Cliente tímido no ensaio: como fazer fotos espontâneas

<i class="fab fa-whatsapp" aria-hidden="true"></i> Share on whatsapp
<i class="fab fa-facebook" aria-hidden="true"></i> Share on facebook
<i class="fab fa-telegram" aria-hidden="true"></i> Share on telegram
<i class="fab fa-twitter" aria-hidden="true"></i> Share on twitter

Aplique essas técnicas para fazer fotos espontâneas de clientes tímidos no ensaio – E se você for um fotógrafo tímido, esse post também está cheio de dicas pra você.

Primeiramente, é importante entender que é normal o cliente ficar tímido na frente da câmera. Afinal de contas, pode ser que o seu cliente esteja sendo fotografado pela primeira vez ou ele simplesmente tem um jeito mais “reservado” de ser.

Em contrapartida, isso não pode ser motivo para você não conseguir fazer fotos espontâneas desse cliente.

“Meu cliente é tímido e por isso não consigo fazer fotos espontâneas”

Muitos fotógrafos erram ao pensar que espontaneidade é algo que surge naturalmente durante o ensaio fotográfico.

Na verdade, o fotógrafo é quem deve criar a espontaneidade durante o ensaio através de técnicas de direção de pessoas.

Sim! Se nas fotos as pessoas parecem estar “engessadas” ou muito posadas, a culpa não é delas por serem tímidas e sim do fotógrafo, pois ele é responsável por conduzir o ensaio e criar a espontaneidade nas pessoas para fazer boas fotos.

Em primeiro lugar, você precisa entender a diferença entre uma foto posada e uma foto espontânea.
Veja em seguida:

O que são fotos espontâneas

Antes de mais nada, é preciso entender o que diferencia uma foto “espontânea” de uma foto “posada”.  

  • Fotografia posada

Basicamente é quando o fotógrafo posiciona o cliente em uma determinada ideia de pose. Muitas vezes essa pose não tem fortes conexões, expressa algum sentimentos ou personalidade.

Como você vê no exemplo acima, uma foto posada pode ser muito importante para um registro das madrinhas de casamento, por exemplo.

  • Fotografia espontânea

Esse tipo de foto “fala” muito mais sobre a personalidade as pessoas do que uma foto posada.

Na fotografia espontânea o fotógrafo deve retratar as pessoas exatamente como elas são:

O seu jeito, as suas expressões e emoções, a fim de retratar mais a essência do que somente a estética.

A foto espontânea acima foi feita no mesmo momento que a foto posada, mas nessa foto é possível perceber as emoções e jeitos das pessoas, percebe?

Por isso, sempre indico que devemos ter os dois tipos de fotos: posadas e espontâneas.

Saia da sua zona de conforto se quiser fazer fotos espontâneas de um cliente tímido

O grande erro dos fotógrafos é: Não se importar em dominar técnicas fotográficas e preferir ficar na sua zona de conforto, fazendo apenas as mesmas fotos posadas de sempre.

Entretanto, vou te propor uma reflexão que pode te fazer mudar de ideia!

Reflita sobre as fotos que eu mostrei nos exemplos acima e responda:

  • Qual das fotos você acredita que os noivos mais gostaram?
    A foto mais “engessada” ou a foto espontânea?
    Aquele foto que qualquer pessoa faria ou aquela que somente o fotógrafo fez?

Provavelmente a foto favorita dos noivos é aquela que registra as emoções sentidas por cada madrinha naquele momento, isso diz muito sobre a personalidade de cada uma delas.

Para fazer fotos espontâneas com facilidade ao ponto de se tornar algo automático, você precisa ter o domínio da direção de pessoas. Caso contrário, o resultado pode ser desastroso.

Veja a seguir:

Como dirigir um cliente tímido e fazer fotos espontâneas

Como comentei no início desse post, os seus clientes não precisam ser extrovertidos pra você conseguir fazer fotos espontâneas.

Porém, se o cliente é tímido, essa característica precisa transparecer na fotografia de forma espontânea, porque essa é uma característica da personalidade dele, saca?

– Como assim Robison?

Cada pessoas tem uma personalidade diferente, algumas são mais extrovertidas e risonhas, enquanto outras são mais sérias e misteriosas.

Independente da personalidade de cada cliente, nós podemos transmitir isso de forma espontânea na fotografia.

Ser espontâneo vai além da foto gargalhando

Ser espontâneo não é só foto correndo, sorrindo e pulando.

Também pode ser um carinho, um sorriso leve ou um olhar com personalidade, por exemplo.

Portanto, você fotógrafo, deve perceber esses detalhes na personalidade dos seus clientes e dar orientações, posicionamentos e direções para fazer as pessoas se sentirem à vontade durante o ensaio e agirem naturalmente na frente da câmera, mesmo se o cliente é tímido.

Por isso, eu vou revelar pra você a grande técnica que uso para conseguir fotografar reações espontâneas:

Técnica “Ação e Reação”

De forma resumida, nessa técnica você vai dizer uma determinada ação para as pessoas e fotografar a reação delas àquela ação.

Vamos para um exemplo prático?!

Eu estava fotografando o ensaio e joguei a seguinte ação para a cliente:
Agora joga o cabelo para o lado e chega bem pertinho. Nariz com nariz. 

Resultado: A minha cliente mexeu no cabelo e, mesmo um pouco tímida, soltou uma gargalhada gostosa por chegar bem pertinho e se envolver no momento.

Isso é AÇÃO e REAÇÃO. 🔥

Lembre-se que você não vai conseguir espontaneidade pedindo para que as pessoas sejam espontâneas, você precisa causar isso nelas.

Nesse sentido, eu listei 5 cuidados que você deve ter ao dirigir pessoas para fazer fotos espontâneas e desejadas pelos clientes. Vale a pena conferir!

Eu sou um fotógrafo tímido, consigo fazer fotos espontâneas?

Acredite, eu sei exatamente como você se sente.

No início da minha carreira, há uns 12 anos,eu também era super envergonhado e não tinha muito tato nesse lance de direção de pessoas.

Só pra você ter uma noção, era a minha mãe que fazia a direção de pessoas pra mim nos meus ensaios.

Posteriormente, virei a chave quando vi que minhas ideias de foto eram diferentes da minha mãe e precisei assumir a parte da direção de pessoas para conseguir os resultados eu queria.

Neste vídeo eu conto mais sobre essa minha virada de chave. Portanto, se você sofre com a timidez nos ensaios, sugiro que assista.

Nunca fique em silêncio durante o ensaio

Enfim, para fechar esse post com chave de ouro, vou te dar 4 dicas finais para você fazer fotos espontâneas e desejadas – Mesmo se você é um fotógrafo tímido ou se o cliente é tímido:

  1. Seja você tímido (ou não) NUNCA fique em silêncio na hora de fotografar.
  2. Não espere que o cliente dê ideias para as fotos. Você que precisa conduzir o ensaio.
  3. Tome as rédeas da parada e domine a timidez, tanto a sua quanto a do cliente.
  4. Se for necessário use um Guia de Poses para te ajudar a ter ideias de posicionamento.

Além disso, não sei se você sabe ou não, mas eu tenho um curso de Guia de Poses em Vídeo onde você vai aprender 333 ideias de poses e suas varições para fotografar ensaios de casal, pessoal (feminino e masculino) de família e gestante, e assim nunca mais sofrer com o “branco” criativo.

Mas as vagas são limitadas. Para entrar na lista de espera da próxima turma, reserve sua chance aqui.

Tamo junto! 

Robison Kunz
Fotógrafo e Mentor
Site | Instagram | Youtube

Palavra-chave: direção de pessoas | fotos espontâneas | como fazer fotos sendo tímido | como fazer fotos espontâneas | ideias de fotos espontâneas

Robison Kunz

Robison Kunz

Especialista em fotografar pessoas, Robison Kunz é conhecido pelo seu trabalho inovador em fotografar casamentos e ensaios. Através de uma linguagem simples, porém ousada. Em pouco tempo de profissão incorporou um estilo próprio e hoje quem aprecia suas fotografias, logo identifica o autor. Tem como principal característica os momentos decisivos para contar histórias de casamento e a direção de pessoas para criar fotografias espontâneas nos ensaios fotográficos.

Conheça o meu Curso Online

Um passo a passo para tornar a sua fotografia desejada pelos clientes a ponto de dobrar o seu faturamento.